Tratar a apneia do sono naturalmente, é possível?

Tratar a apneia do sono naturalmente, é possível?
Avaliar

Se sofre de apneia do sono, uma síndrome que se caracteriza pela obstrução da respiração durante o sono recomendamos que leia este artigo com atenção.

A apneia pode ser de dois tipos, obstrutiva ou central; em geral, o tipo de apneia obstrutiva é a mais comum.

A apneia obstrutiva ocorre quando há episódios de bloqueio completo ou parcial da entrada do ar superior enquanto você dorme.

  • O diafragma e os músculos do peito trabalham em dobro e, consequentemente, o ar nas vias aumenta.
  • Isso pode ser grave porque não altera apenas o sono, mas intervém também na liberação de oxigênio aos órgãos, causando taquicardia.

Já no caso da apneia central, esta está diretamente relacionada ao funcionamento do sistema nervoso central.

Nos últimos anos a síndrome da apneia tem vindo a ser mais falada pela sua relação com doenças como hipertensão, diabetes, depressão, obesidade e inclusive cancro.

Uma das principais manifestações deste problema de saúde é a presença dos roncos. Contudo, isso não significa que todas as pessoas que roncam tenham apneia.

Geralmente quem sofre de apneia além do problema de rocar também tende a ter respiração acelerada, sono agitado e má posição ao dormir para manter a respiração contínua.

Em alguns casos há transpiração. Preste atenção aos seguintes pontos.

Sintomas comuns de apneia obstrutiva

  • Roncos e ruídos estranhos ao respirar
  • Sensação de asfixia ao despertar
  • Dores de cabeça
  • Cansaço e irritabilidade
  • Boca seca e saliva grossa
  • Vias respiratórias congestionadas e infecções respiratórias frequentes
  • Pausas ao respirar
  • Sonolência

Sintomas comuns da apneia central

  • Baixo rendimento em atividades cotidianas
  • Fadiga
  • Movimento interno da caixa torácica ao respirar
  • Respirar pela boca durante o dia
  • Distúrbios de aprendizagem

Fatores de risco associados à apneia

Quais são as causas? No geral, as pessoas não têm problemas nas vias respiratórias.

As vítimas da apneia experimentam o contrário: seus tecidos se fecham e, além disso, bloqueiam o processo de respiração.

  • Ter o maxilar inferior mais curto que o superior
  • Pescoço longo
  • Problemas para manter a língua dentro da boca
  • Obesidade
  • Lesões no sistema nervoso central
  • Irregularidades cardíacas e pulmonares
  • Metabolismo deficiente
  • Anemia
  • Refluxo gastroesofágico

Prevenção da apneia

  • Manter um peso corporal controlado
  • Evitar bebidas alcoólicas e o cigarro
  • Tratamento para as alergias respiratórias
  • Controlar o estresse, já que pode provocar problemas hormonais
  • Previnir o metabolismo lento

Recomendações para tratar a apneia do sono

O tratamento da apneia do sono depende muito de cada caso, há casos em que não é possível tratar e a pessoa precisa utilizar uma máquina no suporte à respiração durante o sono. Noutros casos resolve-se com uma operação cirúrgica e outros casos menos gravosos são resolvidos com mudanças de hábitos ou tratamentos simples.

O que é a orofaringe? Ela se localiza na base da língua, inclui parte do palato mole, paredes laterais, amígdalas e a parte superior da garganta.

Atualmente, a terapia para os músculos orofaríngeos e a eletroestimulação são métodos usados para reduzir os sintomas da apneia.

São exercícios fáceis, seguros e com efeitos benéficos, já que se reduz a quantidade de roncos e as interrupções do sono.

Felizmente, é possível tratar a apneia de forma natural.

Coloque o palato para trabalhar

Este exercício melhora a respiração ao dormir:

  • Pronuncie cada uma das vogais expulsando o ar pela boca.
  • É necessário pronunciar as vogais de forma oral durante 3 minutos todos os dias.

Vogais abertas

  • Nesta prática as vogais abertas (A, O) são repetidas enquanto o ar é inalado pelo nariz e exalado pela boca.
  • Pronuncie palavras que tenham um som longo quando se unem duas vogais. Por exemplo, odisseia, teatro, via, leão.

Encha uma bexiga

Encher uma bexiga ajuda a exercitar os pulmões e os músculos do diafragma. Além disso, também fortalece os lábios e melhora a pronúncia das palavras.

  • Sopre de 5 a 6 vezes de maneira profunda e não solte a bexiga.

Exercite o rosto

Outro método eficaz para tratar a apneia do sono é praticar exercícios faciais.

  • Comece abrindo a boca o máximo possível (esboce um sorriso).
  • Em seguida, faça pressão nos lábios durante 10 segundos.
  • Isso ajudará a fortalecer os músculos.

Pressione o palato

Uma das técnicas para combater a insônia é colocar a ponta da língua no palato.

  • Coloque a língua exatamente atrás dos dentes superiores.
  • Respire pela boca e expire lentamente.
  • Feche a boca e conte 5 segundos mantendo a respiração.
  • Finalmente, solte o ar.

Recomendações extras

  • Desligue todos os aparelhos electronicos cedo para evitar distracções.
  • Vista roupas confortáveis para dormir.
  • Coma algo leve no jantar.

Esperamos que estas dicas sejam úteis para ajudar a tratar a apneia do sono de forma natural. Se esta condição estiver a atrapalhar a sua qualidade de vida impedindo-o de dormir e descansar, consulte um médico.

você pode gostar também

Este site utiliza cookies para melhorar a navegação. De acordo com as leis europeias ao navegar neste site concorda com a utilização de cookies. Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close