Como Proteger o cabelo das agressões

Atualizado a:

Os cabelos estão constantemente expostos a diversas agressões que lhes roubam o brilho e a vitalidade.

Proteger os cabelos, alimentar e reparar são três gestos essenciais para os manter sempre bonitos.

Um cabelo saudável é naturalmente bonito. Cada fio é revestido por várias camadas de queratina – uma proteína muito forte e resistente – sobrepostas como as escamas num peixe, e protegido por um filme constituído, essencialmente, pelo sebo produzido no couro cabeludo.

Quando a superfície está intacta, os cabelos são macios, fáceis de pentear e têm brilho porque reflectem a luz. Caso contrário, ficam ásperos, baços e quebradiços – numa palavra, secos.

Existem dois tipos de cabelos secos: os que o são por natureza e os que se tornaram secos devido a agressões externas, geralmente designados por cabelos sensibilizados, ou numa linguagem mais corrente, estragados.

No primeiro caso, os fios são pouco elásticos e partem com facilidade, porque a produção das glândulas sebáceas do couro cabeludo é insuficiente para os proteger. No segundo, o filme protector foi incapaz de resistir às agressões, independentemente de o couro cabeludo ser oleoso ou normal (isto é, com uma produção de sebo equilibrada).

Os agentes ambientais que danificam os cabelos podem ser externos – sol, poluição e substâncias químicas, ambientes secos e ar condicionado, secador, colorações e ondulações mal feitas – ou internos – medicamentos, desiquilibrios hormonais, mudanças alimentares – e podem atingir mais ou menos profundamente a fibra capilar.

O que fazer para ter os cabelos bonitos?

Antes de mais nada devemos prevenir, com uma boa rotina diária de champôs e cuidados específicos para cada tipo de cabelo. É um fato que o secador quente é uma das agressões a que os cabelos estão mais frequentemente sujeitos que deve ser evitada sempre que possível.

Caso os estragos já estejam feitos, é preciso reparar e fortalecer com tratamentos específicos. À partida, os cabelos mais secos precisam sempre de cuidados especiais para reforçar as suas escassas defesas: champôs ricos em ingredientes hidratantes, bons condicionadores para desembaraçar e alimentar, uma máscara nutritiva de vez em quando.

Sérums para as pontas, protectores com filtro solar e reparadores para depois do sol são complementos muito úteis. Os cabelos secos e sensibilizados têm tendência para abrir nas pontas, ficando com um aspecto fraco e desleixado. Evite que cheguem a este ponto, não deixando um intervalo de mais de dois meses entre cada corte.

Casos especiais

Os cabelos submetidos a colorações e ondulações – técnicas que envolvem sempre processos químicos sensibilizantes – ou sujeitos a brushings frequentes devem receber, também, os cuidados acima indicados para cabelos secos.

Se o couro cabeludo é normal ou oleoso, convém adoptar um programa de tratamentos misto: os produtos destinados a cabelos secos e estragados (nomeadamente condicionadores) devem ser aplicados só nos comprimentos e pontas, mas longe do couro cabeludo, para não agravar problema da oleosidade. Existem fórmulas que acumulam as duas funções.

A exposição intensa ao sol danifica os cabelos e o cloro é outro agente extremamente agressivo, podendo inclusivamente alterar a cor dos cabelos pintados. Por isso, durante a época de praia e nas piscinas, é bom trocar os produtos habituais por uma linha de cuidados própria para o efeito. Embora sejam comercializados sob a designação de “linhas solares”, estes produtos podem ser usados todo o ano por quem pratica natação.

Proteger o cabelo no verão

Truques  caseiros para ter um cabelo bonito:

Para dar brilho. Enxaguar bem os cabelos a seguir ao champô, usando água fria na última passagem, ajuda a “apertar” as escamas de queratina e alisar a os fios.
Protecção extra. Escovar bem os cabelos em seco, antes de os lavar, estimula a produção sebácea e distribui a gordura ao longo dos fios.
Máscara para pontas secas. Misture duas colheres de sopa de manteiga de karité com uma de azeite e uma gema de ovo. Aplique nos cabelos, espere vinte minutos e lave com o champô habitual. Este reforço de ingredientes nutritivos amacia e dá brilho.
Massagem estimulante. Se tem o couro cabeludo seco, aplique o champô em movimentos circulares, massajando com a ponta dos dedos. Este gesto estimula as glândulas sebáceas e potencia a acção dos tratamentos.

Cuidar dos cabelos no Verão:

O Verão é quase sempre associado a praia ou piscina, mas o cloro da piscina e a água salgada das praias, provoca muitas vezes uma sensibilização dos fios de cabelo. Por esse motivo, se quiser ter um cabelo mais saudável na época de Verão e não quer perder a oportunidade de aproveitar o tempo quente para mergulhar na praia ou piscina, indicamos a seguir alguns conselhos que pode seguir para proteger os cabelos dos efeitos da idas à praia ou à piscina:

1. Leve uma garrafa de água mineral para a praia, dessa forma, poderá depois de mergulhar, lavar ligeiramente os cabelos com essa água que, ao contrário da água de torneira, não possui metais pesados, como cloro, ferro e cobre. Depois, utilize o protetor solar indicado para os cabelos para desembaraçar os fios.

2. Evite sempre deixar o cabelo secar com a água do mar, isto porque o sal resseca muito os fios, e isso deixará os seus cabelos rijos.

3. Procure usar um chapéu para proteger a cabeça e os cabelos, principalmente se tiver cabelos pintados, evitando dessa forma que a cor do seu cabelo desbote e perder brilho.

4. Embora sejam nocivos para o cabelo durante todo o ano, pelo menos no verão, tente evitar usar secador de cabelo quente ou placas alisadoras ou babyliss, o calor destes equipamentos agride severamente os fios de cabelo, muito especialmente se eles já estiverem fragilizados. Opte pela secagem ao natural ou use o secador mas com ar frio.

5. Nunca prenda o cabelo molhado, porque esse será o ambiente perfeito para criar fungos e bactérias. O ideal será sempre deixar o cabelo solto até que este seque completamente.

6. Se possível use óleos hidratantes depois de lavar o cabelo, por forma a hidratar e regenerar os fios. Também poderá misturar algumas gotas de óleo na máscara de tratamento para proteger os cabelos.

7. Quando for a banhos, antes de entrar na água da piscina ou no mar, prenda os cabelos, quanto menos contato eles tiverem com o cloro e com a água salgada melhor.

8. Caso tenha cabelos com alisamento, procure mantê-los sempre alinhados penteando com um pente largo (de preferência de madeira) para desembaraçar, evitando assim que se partam.

9. Tente manter o cabelo e o couro cabeludo sempre limpo, o suor, o calor e a humidade podem ocasionar problemas de seborreia e caspa, prejudicando a saúde do cabelo.

10. Evite sempre que possível shampoos que contenham sal e, para garantir a hidratação dos cabelos, aplique uma máscara semanalmente.

Recomendamos que leia também:

Cabelos saudáveis durante e depois da gravidez

Como prevenir a queda de cabelo

Pontas espigadas – Como as evitar

Siga estas recomendações e aporte mais saúde e beleza ao seu cabelo.

você pode gostar também